Bons-dias

Ipomoea acuminata (Vahl.) Roemer & Schultes

Família: Convolvulaceae

Distribuição geográfica original: zona tropical da América do Sul, Ásia e Havai

Ocorrência em Portugal: Douro Litoral, Beira-Litoral, Estremadura, Ribatejo, Baixo-Alentejo e Algarve.

Características morfológicas: Trepadeira perene (ou anual), com flores azuladas, grandes. Por vezes brancas rosadas ou multicolores.

Ambientes invadidos: habitats perturbados, taludes, sebes, pedreiras e construções abandonadas, cobrindo árvores e outra vegetação.

Modos de erradicação:  Fisicamente: pequenas áreas podem ser removidas manualmente, mas todas as raízes e caules devem ser cuidadosamente removidos, já que os fragmentos facilmente originam novas infestações. Quimicamente: Após o corte, pode proceder-se imediatamente à aplicação de herbicida na superfície de corte. Quanto menos segundos passarem entre o corte e a aplicação, maior a eficácia do tratamento. Tendo em conta os possíveis efeitos adversos no ambiente e nas outras espécies, a sua aplicação deve ser sempre muito bem ponderada, sendo desaconselhada em áreas naturais.

Mais informação em http://www1.ci.uc.pt/invasoras/

bonsdias.jpg

Rúben Boas

bonsdiasmapa.jpg

zona onde a espécie está registada