camarinha desenhoRúben Vilas Boascamarinha frutosRúben Vilas Boascamarinha floresJuan de Dios Francocamarinha troncoRúben Vilas Boascamarinha folhasRúben Vilas Boascamarinha mapazona mais adequada à plantação

Camarinha (camarinheira)
Corema album (L.) D. Don

Família: Ericaceae
Publicação:1830

Distribuição geográfica: Costa atlântica da Península Ibérica desde Cádiz até à Galiza e Açores (subespécie Corema album azorica). Naturalizada em França. Em Portugal ocorre em praticamente toda a faixa costeira, incluindo o final da bacia hidrográfica do Tejo.

Caducidade: persistente

Altura: não costuma ultrapassar 1 m

Porte: pequeno arbusto, muito ramificado desde a base
Ritidoma: cinzento acastanhado, ramos ascendentes e retorcidos.
Folhas: 3 por nó, simples, lineares (até 10 x 1 mm), brilhantes, obtusas, revolutas e, por essa razão, profundamente sulcadas na página inferior.
Estrutura reprodutiva: espécie dióica. Flores unissexuais trímeras (3 sépalas e 3 pétalas), muito pequenas; as masculinas com 3 estames livres e exsertos; as femininas com pétalas ainda mais curtas do que as masculinas; fruto uma drupa globosa até 1 cm, geralmente com 3 pequenas sementes; polpa branca, translúcida, agridoce e comestível.
Floração: março - maio
Maturação dos frutos: julho – setembro

Habitat e ecologia: em comunidades arbustivas sobre dunas secundárias. Prefere solos bem drenados e pode desenvolver-se em solos muito ácidos. Gostam de exposição solar total, embora prosperem com alguma sombra em bosques não muito densos. Tolera temperaturas até -5ºC.

Usos e costumes: as suas bagas são comestíveis e eram noutros tempos usadas como antipiréticas e anti-helmínticas, embora estas virtudes careçam de corroboração.

Modos de propagação: Por semente: semear assim que os frutos estiverem maduros. Se guardar as sementes, deve estratificar 5 meses à temperatura ambiente mais 3 meses a 5ºC. Deve plantar-se nos locais permanentes na primavera. Por estaca: estacas semi-lenhificadas em julho / agosto. Também estacas lenhificadas do corrente ano de crescimento em novembro.

Designação inglesa / espanhola: Portuguese crowberry / Camariña